Receitas de bloggers que fazem crescer água na boca

Propostas de doces e salgados de quatro criadoras nacionais servem de inspiração a candidatos, presentes e futuros, do concurso Brincar na Cozinha com Teka.

Texto de Marisa Silva

Na cozinha da portuense Olívia Fagundes Rocha, os livros antigos de culinária inspiram. Compra-os em feiras de antiguidades ou online e, na hora de passar do papel para o prato, há receitas que se cumprem sem saltar um único passo. Outras, porque os ingredientes já não existem no mercado, reinventam-se.

Os truques e sabores da sua comida são desvendados na Alquimia dos Tachos, o blogue que criou em 2010 para armazenar iguarias. Por lá encontra-se de tudo: entradas, pratos acabados de sair do forno, doces. Só de olhar cresce água na boca. É o caso do polvo à lagareiro, um dos seus pratos preferidos, cujo segredo reside na cozedura a vapor.

“O polvo fica com uma textura muito boa e não lhe sai tanto a pele”, garante Olívia, sem conseguir precisar a idade em que se apaixonou pela cozinha. Ainda assim, lembra-se de aos dez anos fazer leite-creme para os irmãos. Valença do Minho, a terra do pai, faz parte dessas memórias. “Chegámos a ir à matança do porco e aos fumeiros. Também ia com a minha avó apanhar coisas ao campo para alimentar o porco e a um riacho lavar as tripas para fazer os enchidos.”

É em blogues como a Alquimia dos Tachos que muitos pesquisam receitas. Esquecidos no tempo ficaram os cadernos gastronómicos escritos à mão. A arte do empratamento conjuga as vivas cores dos alimentos, captando a atenção dos mais gulosos.

As empadinhas de galinha de Vera Ferraz, do blogue Hoje para Jantar, são um sucesso nas festas de aniversário. Mãe de duas crianças e residente em Coimbra, confessa que a mais nova já ajuda na preparação. Gosta de cortar a massa, pincelar o ovo e colocar uma pequena estrela a decorar. “Como tenho frangos caseiros, sei exatamente o que elas estão a comer”, salienta a blogger, que nasceu em Midões, aldeia a 70 quilómetros de Coimbra.

Aprender a ler rótulos

O pão de banana da Teresa D’Abreu é uma boa opção para comer de forma saudável. Foi também a primeira iguaria que a filha, Judite, cozinhou. Partiu os ovos, esmagou as bananas e misturou tudo. A receita consta da longa lista de partilhas feitas no Healthy Bites, um espaço online que empresta o nome ao primeiro livro de Teresa, que vive em Corroios. Por lá, é fácil encontrar pratos e sobremesas sem glúten ou açúcares refinados. Há ainda um separador dedicado às crianças, com dicas para os lanches da escola e artigos sobre a introdução alimentar dos bebés.

A alentejana Márcia Patrício também deixa uma sugestão para levar na lancheira: bolitas, um snack feito de chocolate negro, tâmaras e amêndoa moída. Os frutos secos podem ser alterados consoante os gostos. A engenheira zootécnica de formação partilha as suas criações no blogue Temperos da Argas e num livro batizado com o mesmo nome. Em casa, a alimentação da família segue uma inspiração paleo, sem glúten nem processados.

E se a agitação do dia a dia nem sempre permite confecionar tudo de raiz, Márcia Patrício deixa algumas dicas para facilitar a escolha dos produtos no supermercado. “Se olharmos para o rótulo e não percebermos o que está na composição, provavelmente não é o ideal. Devemos também pensar se os nossos avós usariam aqueles ingredientes para fazer o produto. Por exemplo, um pão deve ter água, farinha, fermento e sal. Tudo o resto são alterações.”

Pão de Banana (receita de Teresa D’Abreu)

Ingredientes:
3 bananas da madeira maduras + 1 para colocar por cima
3 ovos
2 chávenas de farinha de amêndoa
1 colher de chá de baunilha
1/4 chávena de óleo de coco derretido
1 colher de chá de fermento

Preparação:
Triture todos os ingredientes. Despeje a massa numa forma de bolo inglês forrada a papel vegetal. Corte uma banana na longitudinal e coloque por cima do bolo. Leve ao forno preaquecido a 180º C durante cerca de 60 minutos.

Empadinhas de galinha (receita de Vera Ferraz)

Ingredientes para o recheio:
1 galinha/frango/ sobras de ambos
80 g de farinha
1 cebola
2 dentes de alho
1 cenoura
3 pés de salsa
50 ml de azeite
2 cubos de caldos de galinha caseira ou sal
50 ml de vinho branco
2 gemas de ovo
1 ovo para pincelar
pimenta q.b.

Ingredientes para a massa:
1 ovo
50 ml de azeite
60 ml de água
40 ml de vinho banco
40 g de margarina
40 g de banha de porco
40 g de fermento de padeiro ou 1 saqueta de fermento granulado
450 g de farinha
1 colher de chá de sal

Preparação:
Para a massa, misturar o azeite, a água, o vinho e a margarina amolecida. Acrescentar o ovo, o fermento e finalmente a farinha. Misturar bem até a massa se soltar das mãos. Deixar repousar durante 30 minutos. Num tacho, deitar o azeite. Juntar a cebola e alho picados e deixar refogar em lume brando. Acrescentar a salsa picada. Partir o frango ou galinha e juntar ao refogado. Refrescar com vinho branco. Acrescentar os caldos de galinha ou sal. Deixar cozer a carne durante 30 minutos em lume brando.

Mexer de vez em quando para não agarrar. Retirar o frango e desossar. Reservar a carne. Entretanto, acrescentar a farinha ao molho que ficou no tacho e mexer bem para não formar grumos. Retificar os temperos e deitar as gemas em fio mexendo sempre. Deixar cozer os ovos durante uns minutos e acrescentar o frango desfiado envolvendo bem no creme. Deixar arrefecer.

Com a ajuda de um rolo, estender a massa muito fina, cortar círculos e forrar as formas de metal. Deitar uma colher de sopa do recheio já arrefecido. Tapar a massa com outro círculo (mais pequeno que o anterior) e unir os bordos de baixo para cima. Com as sobras de massa, cortar estrelas ou outra decoração para enfeitar as empadinhas. Pincelar com ovo batido e levar ao forno preaquecido a 200º C durante 25 minutos. Antes de retirar, verificar se a massa está bem cozida. Pode juntar-se ao recheio ervilhas, cogumelos ou outro legume a gosto ou ainda fazer uma empada numa forma grande.

Bolitas (Receita de Márcia Patrício)

Ingredientes:
125 g de chocolate 85% cacau
120 g de amêndoas
6 tâmaras medjool sem caroço

Preparação:
Derreta o chocolate em banho-maria ou no micro-ondas. Triture todos os ingredientes num robô de cozinha. Forme bolinhas e guarde no frigorifico.

Dica:
A humidade das tâmaras varia. Se o preparado estiver demasiado seco, junte tâmaras até a massa formar uma bola. Se estiver muito húmido, junte amêndoa até que fique uma bola moldável.

Polvo à Lagareiro (Receita de Olívia Fagundes Rocha)

Ingredientes:
1 polvo médio
1 cebola
4 dentes de alho
azeite q.b.
batatas pequenas q.b.
salsa q.b.

Preparação:
Leve o polvo a cozer 50 minutos em tacho com pouca água. Em alternativa, coza-o num robô de cozinha: função vapor, 50 minutos. Ponha as batatas lavadas, secas e salpicadas de sal num recipiente de ir ao forno. Leva-as a assar 45 minutos a 200º C. Retire-as do forno e dê um pequeno “murro” a cada uma, para a batata abrir. Num recipiente de ir ao forno disponha as batatas e o polvo, cubra com a cebola em meias luas e os alhos laminados. Regue generosamente com azeite e leve ao forno 15 minutos. Sirva quente. Sugestão de acompanhamento: grelos cozidos salteados.

Bitnami